terça-feira, 25 de outubro de 2011

Futebol Açoriano


Fruto de uma parceria com o excelente blog Contra-Ataque, apresentamos aos nossos leitores uma analise ao futebol nos Açores feita por Rui Paiva, um açoriano de gema. Espero que gostem
deste post com um registo diferente.


Santa Clara

Desde a saída de Vítor Pereira , o Santa Clara não ocupa os primeiros lugares da Liga de Honra. Nas duas épocas em que o actual treinador do F.C.Porto esteve nos Açores, conseguiu sempre estar muito perto da subida. Primeiro, na época 2008/09 ficou num brilhante terceiro lugar , sendo que á partida para a ultima jornada estava em segundo. Na época seguinte, lutou até ao fim , e consegui um notável quarto lugar. Para a temporada 2009/10 , a direcção dos encarnados de Ponta Delgada escolheu Bruno Moura , de 32 anos , para substituir Vítor Pereira. , pois este tinha saído para ocupar o lugar de treinador adjunto do Porto. E se com Vítor Pereira o objectivo era a subida , com Bruno Moura passou por fazer um campeonato tranquilo , também muito devido á diferença de qualidade do plantel de uma época para outra. A turma açoriana , a época passada fez simplesmente um campeonato sem grandes sobressaltos , onde reinava a irregularidade . Por exemplo , esteve 6 jornadas sem vencer , e de repente venceu quatro jogos consecutivos. Um campeonato com muitos altos e baixos. Acabou a época em 9º lugar , uma posição justa , que reflexa a falta de ambição do CDSC. Nesta pré temporada, o Santa Clara deixou esperançosos os adeptos do clube ao vencer o torneio Pauleta a duas equipas da primeira liga. Venceu por 3-0 o Vitória de Guimarães , e empatou a uma bola frente á Académica. Mais uma vez nota-se a irregularidade nos resultados obtidos. Por exemplo na penúltima jornada da Liga de Honra , os açorianos perderem por 1-0 frente ao Sporting da Covilhã , mas no último jogo realizado para a Taça da Liga frente á União de Leiria da 1º liga , os "encarnados" vencerem por 3-1. Enfim , a turma de Bruno Moura não deve conseguir esta temporada mais do que um campeonato tranquilo , longe dos últimos lugares , e distante das posições cimeiras. Além do campeonato , resta apenas a Taça da Liga , pois o Santa Clara já foi eliminado da Taça de Portugal pelo Juventude de Évora , num jogo em que os alentejanos venceram por uma bola a zero Neste passado Sábado , ma sétima jornada da Liga Orangina , o Santa Clara voltou ás vitórias , ao bater o Oliveirense por 2-1. Os açorianos sofreram para bater o adversário. O primeiro golo do jogo surgiu no inicio de jogo , aos 11 minutos. Bruno Vale agride Ilic , o árbitro mostra o vermelho ao guardião e assinala a respetiva grande penalidade. Na cobrança Alex não deu hipóteses , e inaugurou o marcador. O golo do empate iria surgir aos 29 minutos , mais uma vez de penalti. Ilic é expulso , depois de entrada dura sobre Sassá.Para converter a penalidade foi chamado Adriano , que não desperdiçou , colocando novamente o marcador empatado. O golo do triunfo do Santa Clara , chegou já aos 90 minutos por Moreira , que apareceu oportuno na área. Vitória sofrida , num jogo em que o resultado foi melhor do que a exibição . A equipa de Bruno Moura encontra-se assim em 4º lugar , com os mesmos pontos do terceiro o Moreirense , e com uma vantagem de um ponto , sobre o 5º, o Leixões.


Operário

Na temporada de 2003/04 , Jorge Portela conseguiu a memorável subida com o Operário à II Divisão, de onde ainda lá está devido ao excelente trabalho de Francisco Agatão. Portela conseguiu a subida , enquanto que Agatão solidificou a manutenção. A melhor classificação obtida foi um notável 2º lugar. A época passada , fez um campeonato tranquilo , tendo acabado a meio da tabela , mais propriamente em 9º lugar. Esta temporada houve um desinvestimento para a primeira equipa de futebol , devido á subida da equipa de futsal para o primeiro escalão. Ainda assim , o Operário encontra-se no 6º lugar .A equipa fabril neste campeonato não deve ambicionar mais do que um campeonato tranquilo. No seu ultimo jogo , o Operário ganhou ao Oliveira do Bairro por 1-0 , num jogo em que mais uma vez os fabris vencem mas não convencem. O Oliveira do Bairro veio aos Açores apenas a pensar num ponto , e o Operário parecia contentar-se com isso. O treinador dos açorianos , Francisco Agatão esteve bem no capitulo das substituições , pois depois destas a sua equipa ganhou outra manobra ofensiva.Mas na hora "H" falhava sempre na finalização. Para desbloquear o marcador,que teimava em ficar em branco, serviu uma grande penalidade cometida por Evandro aos 73 minutos. Na cobrança , Cissé conquistou uns importantes três pontos para a sua equipa. Vitória suada dos fabris , em que mais uma vez o resultado melhor do que a exibição.Com este triunfo , o Operário está em 6º lugar com 1o pontos , os mesmo do 5º Anadia, e com dois pontos de vantagem sobre o 7º , o Padroense.

Serie Açores


Para mim . é com alguma surpresa que vejo o Guadalupe nos lugares cimeiros ( a jornada passada estava em primeiro) .Espera-se uma luta muito interessante e renhida para ver quem é coroado o campeão dos Açores. Na época passada o campeão foi o Angrense , da ilha Terceira , sendo que á duas temporadas o vencedor foi o Madalena , da ilha do Faial.

É de salientar ainda que as equipas açorianas já foram todas eliminadas da Taça de Portugal.
Rui Paiva

3 comentários:

  1. Bom Post!! Que o Santa Clara volte o mais rápido à I Liga.

    ResponderExcluir
  2. Santa Clara que fique onde está...

    ResponderExcluir
  3. Espero que o post seja um sucesso .

    Novo Duelo Semanal, Rinaudo ou Javi Garcia ? Vote já em contra-ataque1.blogspot.com !

    ResponderExcluir

Podem comentar á vontade e cada um pode expressar a sua opinião, mas avisamos já que não aceitamos comentários a insultar/provocar adeptos de clubes X ou Z, contribuindo para o bom funcionamento da caixa de comentários e para debater opiniões sobre os assuntos dos posts.

Pedimos também aos "anónimos" que assinem o seu nome/nick no final dos seus comentários de modo a facilitar a comunicação entre os leitores e o pessoal do blog.

Obrigado pela compreensão.